em Decoração - Tempo de leitura: 3 minutos

A Iluminação de área externas vai muito além da parte estética. Além de serem muito utilizadas para realçar a arquitetura e o paisagismo durante a noite, existe a função de segurança para o imóvel e os moradores.

Mas os projetos de iluminação de áreas externas requerem alguns cuidados importantes na hora de serem definidos, já que os sistemas de iluminação estará exposta à ação da chuva, do sol e do vento. Por isso as instalações devem ser muito bem feitas, e de preferência por um profissional.

Se você se interessou sobre o assunto continue lendo este artigo que preparamos para você e saiba como definir a Iluminação de Áreas Externas.

 

Como definir os pontos de Luz?

Como já mencionado, para iniciar o projeto de iluminação de áreas externas, peça a ajuda de um profissional. Com ele você terá a certeza de fazer um bom projeto e evita dores de cabeça futuras.

pontos de luz para iluminação de áreas externas00

Com a presença do profissional, faça uma inspeção noturna das áreas a serem iluminadas. Você vai perceber logo as áreas que necessitam de luz, mas fique atento: cada área pode demandar de um tipo diferente de iluminação.

Tome cuidado para não usar lâmpadas que iluminem demais e nem de menos, pois a intenção da iluminação de áreas externas é de realçar e guiar as pessoas de forma segura, criando assim uma atmosfera aconchegante, romântica e intimista.

 

Materiais para Iluminação de Áreas Externas

As lâmpadas são parte importante em um projeto de iluminação de áreas externas. Com imensa variedade de tipos, voltagens, cores e formatos, as lâmpadas podem ser halógenas, fluorescentes, ou LED:

  • As halógenas são versões mais eficientes das antigas incandescentes, possuem maior durabilidade e gastam menos energia.
  • As lâmpadas fluorescentes consomem pouca energia e estão disponíveis em uma gama de cores mais agradável.
  • As lâmpadas de LED são as mais indicadas por terem um longo tempo de vida útil e consomem pouquíssima energia, o que acaba compensando o seu valor de compra mais elevado.

tipo de lâmpada para iluminação externa

Na hora de equipar sua área externa, dê preferência a luminárias especialmente desenvolvidas para áreas externas – como as arandelas, tartarugas, tochas, refletores, postes, espetos para jardins, balizadores, pendentes de teto e projetores – pois cada situação vai requerer um desses acessórios, daí a necessidade de um bom profissional para indicar o melhor.

 

Para cada área uma iluminação

O posicionamento correto das lâmpada é o essencial para o sucesso do projeto, além da preocupação com a proteção contra o calor e água. Portanto fique atento a cada área e o que destacar em cada uma delas:

  • Corredores, cantos e paredes, bem como pequenos muros, devem ser bem iluminados para garantir a segurança de quem passar por ali. Para a entrada, o ideal é que haja pontos de iluminação no acesso ao local e após essa passagem.
  • Se o espaço em questão for a passagem para uma garagem, a iluminação pode contar com pequenos postes, com luzes baixas e quase ambiente. O mesmo pode ser usado em passarelas ou caminhos.
  • Para plantas e adornos utilize refletores ou balizadores para realçar os contornos. O feixe de luz deve ser direcionado diretamente nas folhas ou adornos.
  • Na fachada, a luz pode vir de arandelas com um facho estreito, criando um jogo de luz e sombra. O importante é que a iluminação seja direcionada para a parede e não para quem passa.
  • Em áreas de lazer como quintal, churrasqueira, etc. as possibilidades são infinitas. O que vale é valorizar os pontos de destaque.

equipamentos e acessórios para iluminação de áreas externas

Faça uma visita às lojas de iluminação. Pesquise os vários tipos de luminárias, mas se ainda assim tiver dúvidas, contrate um profissional especializado para lhe orientar.

 

Segurança em primeiro lugar

 As escadas e degraus merecem uma atenção especial. Afinal, a segurança deve vir em primeiro lugar e a iluminação de áreas externas deve ser usada para isso. Utilize LED ou luzes embutidas nos degraus para realçar e destacar, de forma que possam ser percebidos facilmente.

A piscina também deve contar com este auxilio. Iluminação instalada no interior dela ajuda a dar destaque e evita que pessoas desavisadas caiam. E mesmo luzes colocadas de forma indireta dão um charme a mais.

A iluminação de áreas externas é um importante aliado para destacar o jardim e a arquitetura, sem contar a importante função de segurança, tanto para quem utiliza o espaço quanto de quem mora na casa, evitando que visitas indesejadas se escondam nas sombras.

Utilize desse recurso e valorize o seu imóvel, afinal a fachada da casa é a primeira impressão que todos terão dela. Aproveite estas dicas e mãos à obra!

Comentários
Posts Recentes
OPORTUNIDADES DE NEGÓCIO?
Bons negócios começam com uma boa conversa. O que você procura?
RESIDENCIALCOMERCIALINVESTIR

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

pintura geometrica faça você mesmo