em Economia, Geral, Imobiliária - Tempo de leitura: 3 minutos

Financiamento imobiliário é, muitas vezes, a ponte entre o sonho da casa própria e o recebimento das chaves de um apartamento. 

Mas uma das etapas que antecedem esse momento é a descoberta do potencial para contratação do crédito. 

Nesse caso, os bancos avaliam quanto você pode pagar pelo dinheiro por meio de uma análise criteriosa do seu perfil.

Porém, nem só as instituições financeiras podem fazer isso. Um simulador de financiamento imobiliário antecipa esse panorama para você. 

Quer aprender como funciona essa ferramenta e descobrir de uma vez por todas seu potencial de contratação de um crédito imobiliário? Confira!

 

O que é um simulador de financiamento imobiliário?

Um simulador de crédito imobiliário é uma espécie de calculadora turbinada com as regras inerentes ao empréstimo para compra de imóveis. 

Isso porque esse dinheiro, com fins previamente definidos, não é emprestado a qualquer pessoa aleatoriamente pelo banco.

Há uma análise criteriosa sobre o potencial de compra de cada cliente, de acordo com a sua capacidade de pagamento. E olha que o mercado anda bem aquecido.  

Para você ter uma noção, no Brasil, foram mais de 7 bilhões de reais injetados na economia somente em novembro de 2019 por meio desse tipo de crédito. Inclusive, essa é a maior marca mensal dos últimos quatro anos.

 

Como é feita a conta no simulador de crédito imobiliário?

Como é feita a conta no simulador de crédito imobiliário?

Assim como acontece nos bancos, o simulador de financiamento imobiliário utiliza alguns fatores para estimar o quanto você pode pagar pelo crédito, seja mensalmente, seja pelo valor global. Veja quais são eles:

  • Renda familiar;
  • Valor disponível para entrada;
  • FGTS;
  • Idade;
  • Prazo para quitação;
  • Taxa de juros.

Agora explicaremos o por quê desses critérios.

1 – Renda mensal familiar

A regra número 1 para a concessão de crédito pelos bancos é o limite para comprometimento da renda familiar mensal. 

O valor das parcelas não pode ultrapassar o equivalente a 30% dos rendimentos das pessoas que vão morar na mesma casa.

Ou seja, se um casal deseja financiar um apartamento e ganham cada um 2.500 reais, a renda total familiar será de 5.000 reais. 

Portanto, o valor da parcela do financiamento não poderá chegar aos 1.500 reais. Então, o simulador de financiamento imobiliário levará isso em conta.

 

 

2 – Entrada

Não dá para comprar um imóvel sem um valor de entrada. Geralmente, as instituições financeiras exigem, no mínimo, 20% do valor total do imóvel para a contratação do financiamento imobiliário.

Além disso, quanto maior esse montante inicial, menor será o valor financiado com incidência de juros e menor serão as parcelas para quitação do imóvel.

3 – Taxa de juros

Assim como em qualquer produto bancário, a taxa de juros em uma linha de crédito para imóveis se baseia na taxa base da economia, a taxa Selic

Inclusive, nos últimos meses, ela despencou diversas vezes e alcançou o menor patamar histórico, estimulando o brasileiro a investir na casa própria.

4 – Prazo

Outro elemento superimportante para estimar seu potencial de compra no simulado de financiamento imobiliário é o prazo no qual você deseja quitar o imóvel. 

 

guia-para-comprar-terreno

 

Geralmente, os bancos dão o tempo máximo de 360 meses para encerramento das parcelas.

E, claro, quanto menor o prazo, maior o valor das parcelas e menos chances de caberem no seu bolso.

5 – FGTS

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço pode ser utilizado como valor de entrada para a compra de imóveis. 

Ao utilizar um simulador de financiamento imobiliário, inclua a quantia como informação.

 

 

6 – Idade

Um financiamento imobiliário conta com um seguro obrigatório chamado MIP, acrônimo para Morte e Invalidez Permanente. 

Como o nome sugere, em caso de morte ou invalidez do titular do contratante, o seguro cobre a quitação do restante das parcelas.

Portanto, a idade mais avançada significa uma incidência maior desse valor.

 

 

Saiba mais sobre financiamento imobiliário

Já deu pra notar as facilidades em utilizar um simulador de financiamento imobiliário, certo? 

Além disso, o mercado nunca esteve tão aquecido em relação a oportunidades e a baixa na taxas de juros. Ideal para quem está em busca da casa própria.

Mas, se antes você deseja entender um pouco mais sobre o assunto, leia agora mesmo nosso post sobre características de financiamento de terrenos, lotes e construções residenciais.

Comentários
Posts Recentes
OPORTUNIDADES DE NEGÓCIO?
Bons negócios começam com uma boa conversa. O que você procura?
RESIDENCIALCOMERCIALINVESTIR

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Como construir um muro consistente?Casa nova: veja como decorar gastando pouco